Biosseguridade e cuidados com a saúde dos frangos

A produção de frangos é um empreendimento que requer investimentos razoáveis, cujo retorno é proporcional à habilidade do produtor de maximizar os ganhos e minimizar as fontes de perdas. Tanto quanto a alimentação e o manejo, a saúde do plantel é essencial para o sucesso dessa atividade.

 

Aves doentes, com ou sem sintomas visíveis, causam perdas à produção comprometendo não somente a saúde e segurança do lote e dos plantéis circunvizinhos como podem acarretar o embargo da exportação dos produtos avícolas.

 

No Brasil, país grande exportador de carne de frango, os mecanismos para prevenir a introdução de doenças nos sistemas de produção são cada vez mais rigorosos especialmente pela implantação de programas de biosseguridade.

 

O programa consiste em um conjunto de medidas aplicadas em todos os segmentos da criação, objetivando, principalmente:

 

- Diminuir o risco de infecções e aumentar o controle sanitário dos plantéis; - Minimizar a contaminação do ecossistema; - Resguardar a saúde do consumidor dos produtos avícolas.

 

Os cuidados com a saúde das aves começam ainda na escolha do local para a construção do aviário e das linhagens a serem introduzidas na granja.

 

- Área limpa: localizada nas imediações do aviário, junto às aves; - Área de interface: área intermediária, localizada entre a entrada da granja, onde é feita lavagem e desinfecção de veículos, devendo existir um local para troca de calçados e roupas. Nessa área devem estar localizados silos, depósitos de gás e depósito de equipamentos; - Área suja: local fora da granja e por onde circulam dejetos e materiais considerados contaminados.

 

Manejo Sanitário

- Evitar trânsito de pessoas, animais e veículos próximo aos aviários; - As pessoas que precisarem entrar no estabelecimento devem fazer a troca obrigatória de calçados e roupas (se possível, adotar a prática de tomar banho) antes de entrar na granja; - Todos os acessos ao aviário devem possuir um recipiente com solução desinfetante para que as pessoas desinfetem os calçados (pedilúvios); - Onde houver trânsito de veículos, instalar arcos de desinfecção ou utilizar o rodolúvio; - Proceder a desinfecção de todos os utensílios, antes de entrarem na granja; - As aves devem ser criadas no sistema "todos dentro, todos fora", ou seja, alojar no mesmo aviário, aves de mesma idade e procedência; - Observar diariamente a limpeza dos bebedouros bem como do aviário e suas imediações; - Fazer periodicamente o controle de moscas e ratos; - Todo o resíduo da produção, especialmente carcaças e cama de aviário devem ser trabalhados em compostagem; - Monitorar a qualidade da matéria prima utilizada na produção da ração e evitar o uso de produtos de origem animal; - Fornecer às aves somente água potável; - Todo plantel deve estar submetido ao programa de monitorização sanitária do Serviço Oficial, para doença de Newcastle, influenza aviária e salmonelose; - Trânsito interestadual de aves deve ser acompanhado pela guia de trânsito animal (GTA); - O produtor deve estar atento às doenças existentes na região. A determinação de um programa de vacinação deve atender às necessidades epidemiológicas de cada região e estar de acordo com as especificações dos Órgãos Oficiais; - Aves doentes não devem ser vacinadas.

 

Limpeza e Desinfecção

 

É imprescindível limpeza completa e posterior desinfecção do aviário e de todos os equipamentos utilizados, antes de um novo alojamento.

 

Após a saída de todos os frangos do aviário devem ser retirados todos os utensílios utilizados e remover a cama.

 

- Lavar com água sob pressão todos os equipamentos do aviário (comedouros, bebedouros, telas, cortinas, paredes); - Desinfetar o aviário, utilizando desinfetantes à base de: amônia quaternária, glutaraldeído, formol, cloro, iodo, cresol ou fenol. É importante fazer o rodízio periódico do princípio ativo do desinfetante utilizado;

 

A reutilização da cama de aviário só poderá ser realizada se não houver sido constatado problemas sanitários que possam colocar em risco a saúde das aves e após um tratamento de descontaminação da cama.

 

Fonte: Ponto Rural    

Áreas

Artigos

Aves

Destaques

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.