Gado curraleiro pé-duro é reconhecido como raça brasileira

Print Friendly Version of this pageImprimir Get a PDF version of this webpagePDF

O gado curraleiro pé-duro que foi reconhecido por uma portaria do Ministério da Agricultura como raça brasileira é um gado rústico e bastante adaptado ao clima do sertão. O título autoriza a associação de criadores, que fica em Teresina, a efetuar os registros genealógicos desses animais.

No Piauí o animal é reconhecido como patrimônio histórico e cultural do estado por ter sido decisivo para o povoamento da região, é extremamente resistente às condições do semiárido. O gado pé-duro, considerado um animal de pequeno porte, pesa em média de 300 quilos. Esses bovinos são rústicos e se adaptam bem a pastagens de baixa qualidade.

O criador Luiz Lobão informou que “é um gado que há mais de 300 anos vem se adaptando às condições climáticas do Piauí. É de uma fecundidade alta e de uma produtividade muito grande. Apesar do pequeno porte, ele tem uma produtividade bem mais alta em relação ao gado zebuíno”.

No Brasil de acordo com a Associação Brasileira dos Criadores de Gado Curraleiro Pé-Duro estima que existam três mil exemplares da raça.

Fonte: G1

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

 

Conheça o Curso de Exame Clínico Avançado em Bovinos

 

 

Veja outras publicações da Revista Agropecuária:

Escolha de Sêmen: Quais os critérios essenciais?

Permitida a exportação de suínos e bovinos engordados com ractopamina

Impacto da pecuária para o aquecimento global será medido com base na análise dejetos de gados

 

 

Veja Também

Comentários

Deixe seu comentário

Receba nossas novidades!

Digite seu e-mail:

Curta nossa página


Tire suas dúvidas Preencha os campos abaixo