Mercado da carne bovina deve ficar movimentado em abril apesar dos preços estáveis

carne-bovinaNos últimos meses, os pecuaristas, têm segurado as vendas mantendo os animais no pasto, a opção por essa ação é devido aos baixos preços encontrados no mercado. Por outro lado, a margem da indústria recuou, o que diminuiu a precipitação das empresas pela compra.

Os preços no estado de São Paulo são estáveis, existindo compras em valores maiores que a referência do país, isso ocorre em empresas que não adquirem animais nas praças vizinhas. Os frigoríficos que adotam esta estratégia tendem a segurar os preços de balcão dentro do estado. As escalas de abate atendem entre dois e três dias, na maioria dos casos.

A previsão de maior movimentação no mercado para o início do mês de abril, devido aos pagamentos de salários que geralmente são feitos no começo do mês.

Fonte: Portal do Agronegócio

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

 

Conheça o Curso de Avaliação e Tipificação de Carcaças de Bovinos

avaliação e tipificação de carcaças bovinas

      Veja outras publicações da Revista Agropecuária: Agricultura e irrigação - A importância do conhecimento de projetos de sistemas de irrigação para a implantação correta da irrigação Exame clínico em bovinos Feicorte NFT 2013      

Bovinos de Corte

Notícias

Pecuária

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.