Preço do milho deve cair nos próximos meses

Em virtude do excesso de oferta, a expectativa é que o preço do milho deverá cair, pouco a pouco, até o final do ano. O alerta foi dado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em recente nota. Desta maneira, a instituição ainda aconselhou a quem pretende guardar estoques para ganhos futuros, a não trilhar este caminho.

O Mapa calcula ainda que o estoque de passagem do milho deverá chegar à casa dos 4,47 milhões de toneladas até dezembro deste ano.

Ao todo, de acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a produção da temporada 2015-16, será de quase 70 milhões de toneladas. Já as exportações devem atingir a mais de 21 milhões de toneladas, e o consumo interno, a 54 milhões de toneladas.

Já no que diz respeito às importações, o Brasil receberá de fornecedores externos 1,5 milhão de toneladas.

Para o segundo semestre, as projeções das duas instituições são também de recuo de preço, em função do aumento das importações, que só entre janeiro e abril, cresceram 180%, além da redução na primeira oferta e expectativa de queda na segunda, provocaram uma retenção dos produtos. Outros fatores são as expectativas de diminuição das exportações em relação ao ano passado, dentre outras variantes que contribuem para a queda.

 

O manejo do plantio direto auxilia na produção do milho proporcionado lucros aos agricultores. Saiba mais.

Fonte: Suinocultura Industrial

Agricultura

Áreas

Mecanização

Milho

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.