Irrigação sustentável é uma tendência mundial

O sucesso de uma determinada cultura seja de pequeno, médio ou grande porte, está diretamente relacionado a um projeto correlacionado e eficiente de irrigação.

Este, aliás, vem sendo aprimorado a cada ano, por meio de diferentes métodos e tecnologias, se tornando uma atividade cada vez mais profissional e atrelada ás necessidades sustentáveis.

 Foi-se o tempo, portanto, da visão de que irrigação seria uma atividade sinônima de desperdício de água.

O segmento não permite mais profissionais que não estejam alinhados a esta visão ambientalmente correta.

Agricultura e meio ambiente, portanto, devem andar de mãos dadas.

Já existem no mercado vários equipamentos inteligentes alinhados, por exemplo, a questão do racionamento. São aparelhos dotados de mecanismos capazes de determinar com precisão, através de múltiplos sensores e programação, a necessidade de irrigação e volume de água liberado de acordo com cada lavoura.

Estes equipamentos, segundo vários estudos, são capazes de diminuir em até 40% os gastos com água, justamente por aperfeiçoar este recurso.

Obviamente que a irrigação sozinha não fará milagres.

É preciso que o profissional esteja capacitado a operacionalizar estes equipamentos, além de acumular conhecimentos profundos em relação ao solo, fertilizantes, clima, dentre outros itens cruciais.

Saiba dimensionar os principais componentes de um projeto de irrigação e garanta o sucesso de toda produção. Confira.

Fonte: Irrigação.Net

Agricultura

Irrigação

Notícias

Parceiros

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.