Mecanização agrícola: Aumento da produtividade e racionalização dos custos!

Mecanização agrícolaA mecanização agrícola é voltada para os aspectos de planejamento e desenvolvimento das atividades, com foco na utilização de máquinas e implementos. No Brasil, teve seu início após a segunda grande guerra, o maquinário utilizado vinha do mercado americano e europeu. Então, é de se imaginar que não eram compatíveis com as condições das construções rurais e muitas máquinas acabaram paralisadas.
 
Outro entrave encontrado pelos produtores rurais na época, era a falta de peças para realizar a manutenção das máquinas quando apresentavam defeito. Atualmente a mecanização é fundamental para melhoria no dia a dia do produtor rural, e o uso de tratores tem sido cada vez mais intenso. Estes foram sendo aperfeiçoados ao longo do tempo e estão cada vez mais modernos.


A indústria de equipamentos agrícolas identificou um nicho de mercado que tem perfil muito mais voltado para empresários do meio agrícola do que de “fazendeiros”. E o que isso significa? São pessoas muito mais exigentes, que demandam equipamentos versáteis e econômicos.
 
Para saber mais sobre este assunto continue conosco até o final do artigo, com certeza você estará muito mais bem informado. Boa leitura!  

Melhorias proporcionadas

O processo de mecanização no campo trouxe diversas melhorias para os agricultores e demais envolvidos na cadeia de produção. A atividade agropecuária que sempre teve como característica o trabalho pesado, se tornou menos árdua, sem contar o aumento de produtividade e qualidade. Aliás, dificilmente seria possível suprir a demanda mundial de alimentos da população atual com os moldes antigos de produção. Abaixo listamos as principais contribuições da mecanização, confira:

  • Ganhos em termos de produtividade;
  • Maior facilidade de manutenção da lavoura;
  • Ajuda o produtor a preparar o solo para plantação;
  • Revoluciona o plantio e a colheita com operações rápidas e eficientes.

O principal objetivo da mecanização é o emprego e uso adequado de máquinas e equipamentos agrícolas. Realizar a otimização de seu uso e principalmente proporcionar ganhos na produtividade do setor. Tudo isso aliado à preservação dos recursos naturais e do meio ambiente. Nos últimos anos a mecanização agrícola teve um aumento significativo, porém, exige cada vez mais conhecimento e capacitação por parte dos envolvidos.

Quais são as perspectivas futuras

Máquinas agrícolas com sistema informatizado que utilizam computadores de bordo, GPS na gestão agropecuária, sistemas de controle automático, sistema de estabilidade, sistema de posicionamento junto ao solo, quantidade de aplicação de insumos, entre outros já são uma realidade. Além disso, são esperados grandes avanços para o setor. O comércio das tecnologias da área de mecanização é hoje um mercado milionário, nos últimos sete anos o número de máquinas cresceu mais que o dobro.
 
Grandes lavouras de grãos como a soja, milho, e feijão já contam com 100% de mecanização. Dentro do grupo de máquinas e implementos da mecanização agrícola, fazem parte desde simples motosserras até colheitadeiras com alto nível tecnológico onde são controladas por meios de processos digitais e eletrônicos.
 
O mercado é amplo para profissionais como técnicos agrícolas e técnicos em mecanização. Estes realizam o planejamento e o uso sistêmico de máquinas, implementos e participam de todo o processo de controle e manutenção da frota.

Mudanças na mão de obra para o campo

Com a introdução das máquinas a relação de trabalho no agronegócio brasileiro se transformou. Muitos trabalhadores rurais que realizavam a colheita manual de diversas culturas migraram para outras atividades. Especialistas afirmar que a cadeia de produção ampliou o número de empregos gerados em outras colocações, gerando um equilíbrio no déficit gerado pela introdução das máquinas.
 
A mecanização agrícola é bem-vinda e os trabalhadores têm a oportunidade de trocar trabalhos de extrema exaustão por funções que exigem maior qualificação e oferecem maior remuneração. Quer uma super dica?  No CPT Cursos Presenciais, você tem a oportunidade de fazer diversos cursos na área que mais ama.
 
Para ter uma ideia, são cursos na área de projetos de sistemas de irrigação, irrigação e manejo de pastagens, utilização de GPS na agricultura e vários outros. O mais importante é que você contará com os melhores especialistas do país, são mestres e doutores te passando todo o conhecimento que você precisa para conquistar o tão sonhado destaque.


Como sabemos que você se interessa por várias áreas, deixamos o banner abaixo onde encontrará todos os cursos. Clique e confira!

Fonte: Agronegócio interior, Agri Brasil e Globo Rural 

 

Agricultura

Artigos

Destaques

Economia Rural

Mecanização

Tecnologia

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.