Chuva dá ritmo ao plantio de soja

Com a chegada da chuva na semana passada as regiões produtoras que apresentavam um déficit de umidade pode-se acelerar o plantio da safra brasileira de soja que ganhou ritmo na semana encerrada em 9 de novembro, informou a AgRural. O maior avanço foi registrado em Goiás, onde o plantio pulou de 36% para 57% em uma semana mostrou o relatório. Comparado aos 76% observados no mesmo período de 2011/2012, porém, o atraso ainda é grande.

De acordo com a AgRural, 53% da área que deve ser destinada à commodity na temporada 2012/2013 havia sido cultivada até a sexta-feira (9/11) passada, uma evolução de 13 pontos porcentuais em relação à semana anterior. Contudo, os trabalhos no campo continuam atrasados frente a igual intervalo do ano anterior, quando a semeadura atingia 65%.

O maior produtor de soja do Brasil, Mato Grosso, 79% da área esperada havia sido semeada até 9 de novembro, ante 60% uma semana atrás e 87% há um ano, de acordo com a AgRural. Em Mato Grosso do Sul, a implantação das lavouras já está na reta final, em 94%.

Os agricultores paranaenses já cultivaram 72% da área, praticamente em linha com o ano anterior. Já em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul, o ritmo das atividades segue lento por causa do excesso de umidade. "A boa notícia para os produtores é que o padrão de menos chuva no Sul e mais umidade no resto do país deve se manter nos próximos dias", revela a consultoria.

Fonte: Revista Globo Rural

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

 

Conheça o Curso de Manejo Intensivo de Pastagens para a Bovinocultura

 

 

 

Veja outras publicações da Revista Agropecuária: Produção do etanol de 2ª geração, pode chegar até a dobrar a produção Saiba por que o húmus de minhoca é tão importante para as plantas Entenda por que o Agronegócio é tão importante para o Brasil        

 

Agricultura

Notícias

Soja

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.