O manejo adequado do solo para garantir a vida futura

De acordo com vários estudos de organismos nacionais e internacionais, a crescente demanda por alimentos será um dos maiores desafios a serem transpostos nos próximos anos. Isso porque a população está crescendo espantosamente, em um ritmo jamais visto. Além disso, ao mesmo tempo, vem sendo constatada a diminuição de áreas cultiváveis. 

Desta forma, o tema solo nunca esteve tão em evidência como na atualidade, já que se trata de um assunto relacionado à sobrevivência humana para a produção de água, alimentos, energia etc.

Para termos uma ideia, a ONU chegou a estabelecer o ano de 2015 como o ano dedicado à conservação e proteção do solo, fomentando o debate, pesquisas e projetos relacionados ao tema por todo o mundo.

Cabe a atual geração criar condições de proteção do solo, portanto, com vistas à garantia do bem-estar das gerações futuras. E isso só será possível com um conjunto de ações, dentre elas as práticas eficientes de manejo de modo a não prejudicar as características essenciais, químicas, físicas e biológicas do solo.

Dentre deste contexto, o profissional da agronomia ou área relacionada tem a missão de buscar o conhecimento para que sua atuação possa, a cada dia, contribuir neste sentido e fazer a diferença em prol do nosso futuro. 

 

Conheça mais sobre o assunto e as principais técnicas de conservação do solo e recuperação de áreas degradadas. Clique e confira.

Fonte: Campo Grande News

Fertilização

Irrigação

Mecanização

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.