O controle do bicho furão dos citros

A lagarta conhecida popularmente como bicho furão dos citros vem trazendo muitos prejuízos às plantações do mundo inteiro, causando perdas que podem passar dos 60% da produção.  De nome científico Ecdytolopha aurantiana, ela é mais comum nas regiões do sudeste, especialmente em São Paulo e Minas Gerais.

De coloração parda, com manchas negras, o bicho furão chegou a trazer enormes transtornos nos anos 90, em virtude de erros de manejo do setor, sobretudo em relação ao uso de agrotóxicos.

A praga se desenvolve, principalmente, em períodos mais quentes e úmidos. Já os frutos atacados desenvolvem uma cor amarelada, o que cria condições para o apodrecimento da fruta e, posteriormente, sua queda.

Muitos estudos ainda vêm sendo realizados para o aprimoramento das defesas contra esta praga.  Por isso é cada vez maior o número de profissionais em busca de atualização sobre o assunto.

O manejo adequado com a irrigação das culturas pode ser um grande aliado contra essa praga. Confira.

Fonte: Clube dos amigos do campo

Agricultura

Irrigação

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.