Qualidade das pastagens eleva produtividade na bovinocultura

Para que a criação de bovinos se dê com qualidade, é essencial que a pastagem esteja em condições de oferecer um alimento de qualidade ao animal. Sendo que a pastagem é a base para a criação de bovinos no país, além de proporcionar menor custo quando comparado a outras estratégias de suplementações.

A pastagem em nosso país é normalmente de baixa qualidade, o seu suporte é variável em função da população de plantas presente na área, solo, clima, estação do ano, adubação, taxa de lotação adequada, espécie ou cultivar da forrageira e, principalmente, do manejo aplicado.

Os principais problemas na produtividade enfrentados em relação às pastagens são a ausência e o uso impróprio de correção e adubação de manutenção, manejo impróprio das espécies forrageiras, desrespeitando os períodos de manejo rotacionado. Com esses cuidados reduzem-se os custos além de apresentar uma grande vantagem ambiental, uma vez que, é possível aumentar a produtividade sem a necessidade de abertura de novas áreas de pastagens, reduzindo a pressão sobre as áreas preservadas.

Com o manejo adequado das pastagens ocorrerá consequentemente aumento da produtividade do sistema de produção viabilizando aumento da rentabilidade da atividade.

Fonte: CPT Cursos Presenciais

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

 

 

Conheça o Curso de Manejo Intensivo de Pastagens para a Bovinocultura

 

 

 

Veja outras publicações da Revista Agropecuária: Agricultura e irrigação - A importância do conhecimento de projetos de sistemas de irrigação para a implantação correta da irrigação Exame clínico em bovinos Feicorte NFT 2013    

 

Notícias

Pastagens

Pecuária

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2020 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.