O processo administrativo no meio rural

administrador rural1Em um processo administrativo é preciso gerir de forma completa, planejando, executando, controlando os gastos e tomando as ações corretas para que não haja perdas e danos ao conjunto que compõe o sistema administrado. Para que uma boa administração aconteça é preciso prever, organizar, mandar, coordenar e controlar, ou seja, gerenciar a propriedade rural.

Como em outros setores, na administração rural não se deve medir os gastos com os profissionais envolvidos. É importante que o administrador esteja em sintonia com o operacional da propriedade rural, para atuar com segurança nas tomadas de decisões que envolva o presente, passado e futuro.

O administrador deve pensar no quanto produzir, onde a produção é determinada, principalmente, pela quantidade e pelo nível de insumos utilizados. É preciso também decidirá quantidade de fertilizantes e o nível de água da irrigação, a quantidade de ração, a intensidade de uso de máquinas ou mão-de-obra e níveis de outros insumos.

Um bom administrador traça os objetivos e as metas da propriedade, avaliando a quantidade de recursos a serem utilizados para a obtenção dos objetivos, analisando as várias maneiras de uso dos recursos buscando alcançar os objetivos.

Dessa forma, é função do administrador rural, ajudar o produtor e proprietário a entender as suas determinações, encontrar informações necessárias para os técnicos auxiliarem o produtor.

 

Aprenda mais sobre a cultura do milho. Clique aqui

Fique por dentro das principais doenças que atacam a produção de milho.

Aprimore as práticas de secagem, armazenamento e comércio do milho.  

 

Fonte: Portal Educação

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

Conheça o Curso de Produção de Milho no Sistema de Plantio Direto

Destaques

Economia Rural

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.