Caracterização da babesiose

bovinoA babesiose também conhecida como tristeza parasitária e anaplasmose, é uma doença de recorrência nos rebanhos bovinos.

A doença se caracteriza por uma infecção causada por protozoários do gênero Babesiasp. e Anaplasma sp.

As condições ideais para o desenvolvimento do protozoário é o clima tropical quente e úmido, é por isso acomete rebanhos na maioria dos países da América do Sul, inclusive o Brasil em todas as épocas do ano.

Quando os rebanhos são acometidos pela doença o produtor tem grandes prejuízos, porque além dos custos demandados para seu controle e tratamento, ocasiona a diminuição da produtividade do animal e até mesmo a sua morte.

Os principais vetores da babesiose são carrapatos, em especial os do gênero Boophilussp.Outros insetos como as moscas dos gêneros Tabanus, StomoxysChrysops, Siphona e os mosquitos do gênero Psorophora também podem ser vetores da doença.

Os fatores como a idade, a raça, a resistência imunológica, o tipo de pastagem e a estação do ano predispõe o aparecimento da doença.

Os animais acometidos pela babesiose apresentam anemia, fraqueza, febre, constipação, icterícia, depressão, desidratação, falta de apetite e respiração ofegante. Observado os sintomas é preciso procurar o profissional capacitado, que diagnosticará e indicará o melhor tratamento.

Fonte:  Qualidade do Leite

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 Quais as regras básicas da técnica de exame clínico?

Como realizar a contenção de bovinos para exame clínico?

Shop Veterinário: Tudo para o médico veterinário.Confira!  

 

  

Conheça o Curso de Exame Clínico Avançado em Bovinos

Bovinos

Destaques

Notícias

Saude animal

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.