Uso da inseminação artificial nos rebanhos bovinos

inseminacao-artificial-bovinosO uso da biotecnologia da inseminação artificial (IA) objetiva o avanço genético dos rebanhos e exige mão de obra capacitada para sua efetivação, e consequentemente o sucesso do procedimento.

A IA consiste no conjunto de eventos que acontecem desde a colheita do sêmen, sua análise e processamento em laboratório, a manutenção por períodos variáveis em condições extracorpóreas, até a sua introdução no trato genital de uma fêmea pré-selecionada. Com a IA há o melhoramento genético e o aumento da eficiência produtiva dos rebanhos.

Dentre as vantagens observadas pela aplicação da inseminação artificial temos: controle da transmissão de doenças infectocontagiosas,incremento do melhoramento genético e da produção animal,aprimoramento do controle zootécnico,racionalização do manejo reprodutivo,redução dos problemas de partos em novilhas e possibilidade do nascimento de crias após a morte do pai.

Para aplicar a IA é preciso seguir algumas etapas, assim é preciso verificar se a fêmea está em cio, fazer duas observações ao dia, uma no início da manhã e outra no final da tarde, por um período de 60 minutos, no mínimo. Quando o cio é identificado é preciso que as fêmeas que apresentaram cio pela manhã, sejam inseminadas à tarde do mesmo dia e as que apresentam cio à tarde, devem ser inseminadas na manhã seguinte com intervalos de 12 horas.

Após observação do cio é necessário seguir alguns passos para a correta inseminação e assim o sucesso do procedimento, por isso é preciso conter o animal no tronco, esvaziar o reto observando o aspecto do muco vaginal,fazer a higienização do períneo e da vulva, preparar o aplicador, a bainha, a tesoura, o papel toalha, a luva e a pinça, aquecer a água a 37°C para descongelar o sêmen se for o caso, secar a palheta adequadamente, montar o aplicador com a palheta, calçar a luva, abrir os lábios vulvares e introduzir o aplicador na vagina.

Deve-se também introduzir a mão no reto até encontrar a cérvix da fêmea e passar o aplicador até o corpo do útero, após depositar o sêmen devagar e retirar o aplicador e a mão do reto e fazer massagem no clitóris do animal. O material utilizado, bainha e luva, devem ser descartados, já o aplicador universal precisa ser limpo. Outro passo importante é anotar todos os dados da IA na ficha do animal.

 

Quais os objetivos da inseminação artificial?

Como usar a inseminação como ferramenta no melhoramento genético?

Produtos para  reprodução em bovinos com ótimos preços.Confira  

 

Fonte: CPT Cursos Presenciais

Adaptação: Revista Agropecuária    

 

Conheça o Curso de Inseminação Artificial em Bovinos

Bovinos

Destaques

Fertilização

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.