Integração lavoura-pecuária

Na integração lavoura-pecuária ou rotação de culturas a terra é utilizada para a produção animal e vegetal, em regime de revezamento de acordo com a época do ano.

Com a integração da lavoura-pecuária é possível aumentar a renda, melhorar a situação do solo, aproveitar o maquinário, aumentar a mão-de-obra, gerando mais empregos locais. Com as plantações de soja e outras leguminosas há a fixação de nitrogênio no solo, assim ao plantar gramíneas para a pastagem do gado, não será preciso adicionar tanto nitrogênio.

A integração da lavoura-pecuária é mais sustentável, para a implantação é necessário conhecimento técnico e capacidade de investimentos, podendo a técnica ser empregada em qualquer propriedade.

Na integração lavoura-pecuária quando a terra não é usada para o cultivo, ela pode ser usada para pasto.

Fonte: Portal Agência USP de Notícias

Caracterização de Substratos Para Fins de Recuperação de Áreas Degradadas. Clique aqui!

Manejo da pastagem após recuperação. Veja aqui!

Destaques

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.