Eficiência de manejo pode diminuir a diarreia em bezerros

Com o objetivo de reduzir a diarreia infecciosa em bezerros, instituições do setor de agropecuária se uniram para criar um manual com informações técnicas que possam auxiliar os produtores sobre o assunto.

De acordo com o material, através de um manejo correto, pode-se controlar os micro-organismos responsáveis pela doença, que atinge aproximadamente 34% das criações de bezerros em todo o mundo, causando inclusive mortalidade, por conta da desidratação.

 As instituições organizadoras do manual são: Embrapa Pecuária Sudeste (SP), Embrapa Pecuária Sul (RS), Embrapa Rondônia (RO).

A publicação também aborda medidas profiláticas, métodos para os diagnósticos e diretrizes para a prevenção da doença.

A diarreia vem causando enormes prejuízos aos produtores, por conta da fraqueza dos animais, que perdem em produtividade e ainda ficam suscetíveis a outras doenças, devido a baixa imunidade.

Em geral, as recomendações aos produtores que se deparam com esta situação dos animais é de isolar imediatamente o bezerro dos demais e entrar em contato com um médico veterinário, o qual receitará os medicamentos corretos e a dieta equilibrada.

Dentre as principais medidas para que o animal reduz as chances de contrair a doença, estão à vacinação, a correta alimentação, por meio do colostro, e a higienização dos estabelecimentos, sobretudo comedouros e bebedouros.

 

Técnicas de manejo nutricional que auxiliam na prevenção da diarreia. Saiba mais.

Fonte: Embrapa

Áreas

Bovinos

Mecanização

Notícias

Saude animal

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.