Comercialização de carnes apresenta baixo desempenho na segunda semana de agosto

A receita cambial apresentou uma redução em torno de -6,32% da primeira para a segunda semana de agosto, o que gerou decréscimo nos resultados apresentados em agosto de 2015. O resultado poderá mudar já que agosto é o mês mais longo em relação há dias uteis.

A carne suína é que apresentou melhor resultado, mantendo o atual nível de exportação e pode vim a supera-lo em relação ao ano anterior. Caso ocorra a receita cambial poderá se elevar em até 46%. Em segundo lugar nas exportações aparece a carne de frango.

A carne bovina aponta um volume baixo de exportação devido ao preço de mercado no momento, mesmo assim espera-se um aumento em relação ao mês anterior. Porém acredita-se que em relação ao mesmo mês no ano passado possa apresentar uma receita cambial negativa.

 

Entenda mais sobre a produção de frango de corte no país e os fatores que proporcionam sucesso na avicultura. Saiba mais.

Fonte: Portal do Agronegócio

Aves

Bovinos

Bovinos de Corte

Notícias

Pecuária

Suinos

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.