Quer montar um fábrica de ração em seu município? Aqui tem dicas para você

Garantir a eficiência em um investimento é algo que muitas vezes tira o sono daqueles que querem ter o próprio negócio, não é mesmo?

E isso não é novidade no ramo empreendedor, mas garantir o sucesso está cada vez mais fácil quando se investi em conhecimentos.

Já parou para imaginar como inúmeras pessoas não alcançaram o retorno esperado por falta de conhecimento ou por querer resultados rápidos demais.

Hoje a maioria dos investimentos traz a rentabilidade em longo prazo e é preciso ter cautela e profissionalismo.

Você que já trabalha no meio agropecuário ou tem o interesse em iniciar um negócio no ramo nós temos dicas de sucesso.

Quer montar um fábrica de ração em seu município?

Não é de hoje que acompanhamos a evolução do setor de alimentação animal e com isso o crescimento da agroindústria.

Para termos uma ideia da expressividade deste segmento, o setor de alimentação animal consume em média cerca de 40% da produção de farelo de soja e mais de 50% da produção de milho no país.

Um fato garantido é que esses percentuais tendem a aumentar, gerando oportunidades e empregos em setores importantes como a avicultura, suinocultura e bovinocultura.

Montar uma fabrica de ração pode ser mais fácil do que você imagina e proporciona a imersão em um mercado diferenciado.

Mas antes de tudo você deve investir em conhecimento e isso você vai encontrar aqui:

Como Montar uma Fábrica de Ração em seu Município

Dicas de sucesso

Montar uma fábrica de ração requer conhecimentos sobre as exigências legais, processo produtivo, dentre muitos outros temas que devem ser levados em consideração e jamais negligenciados se o seu objetivo é lucrar com o seu novo negócio.

E antes de tudo saber como mensurar e implementar técnicas é essencial, certo?

Por isso nós destacamos dicas para você, iniciante ou até mesmo para quem já atua na área.

1ª - Legislação e registros: não se pode iniciar uma fábrica sem estar dentro dos parâmetros legais, não é mesmo? Então você deve seguir os seguintes passos:

- registro do estabelecimento;

- responsabilidade técnica;

- registros de produtos;

- certificação das embalagens e rotulagens.

2ª - Projetos e instalações: a visibilidade da demanda que você irá atender fará uma grande diferença na escolha do projeto do local e instalações adequadas, dessa forma você deverá mensurar:

- deposito de embalagens;

- setor de armazenagem de matérias primas e produtos acabados;

- localização e dimensão do setor de produção;

- instalações do maquinário.

3ª – Equipamentos e suplementos: nenhum negócio funciona sem esses dois pequenos detalhes e cuidados rotineiros.

- Limpeza e higienização;

- Equipamentos de proteção;

- Sistemas de transporte;

- Moinhos e misturadores;

4ª - Mão de obra: principal fator para garantir a qualidade e produção elevada, o que adianta ter todo um planejamento estruturado se a qualificação dos profissionais deixar a desejar, aí não dá né?

Importância da produção de alimentos seguros

Investimentos neste item são cada vez mais recorrentes pelos proprietários que buscam produtos de procedência e qualidade, criando muitas vezes um laço de confiança e fidelização com o cliente.

Além disso, estar atualizado sobre a legislação que regulamenta a atividade de fabricação de rações é indispensável.

O desenvolvimento dessa área aplicado com planejamento conta com uma considerável redução de custos e aumento da qualidade e produtividade.

Por isso trouxemos oportunidades de você se capacitar na área e garantir a rentabilidade do seu investimento: Industrialização de ração um conteúdo prático e teórico

Agricultura

Áreas

Artigos

Aves

Bovinos

Bovinos de Corte

Bovinos de Leite

Curiosidades

Cursos

Destaques

Economia Rural

Legislações

Mecanização

Milho

Notícias

Ovinos

Parceiros

Pecuária

Saude animal

Soja

Suinos

Tecnologia

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2018 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.