Planejamento da pecuária de leite: 6 dicas essenciais

Planejamento da pecuária de leite 6 dicas essenciaisA pecuária de leite tem enfrentado desafios no Brasil ao longo dos últimos anos. Porém, em 2020, o setor tem registrado um cenário positivo com altas até o final de fevereiro. Contudo, para que o produtor possa tirar proveito desse mercado, é importante ter um planejamento da produção. Isso porque, para que a propriedade tenha sucesso e lucratividade com a pecuária de leite, é preciso que os responsáveis conheçam bem todo seu processo produtivo, de modo a serem capaz de prever seus resultados.

Mesmo com um lugar no top 5 do ranking mundial de pecuária de leite, o Brasil ainda apresenta problemas com uma produtividade relativamente baixa. Assim, fica evidente como pequenos, médios e grandes proprietários sofrem com o planejamento da produção. Entender os custos, particularidades do rebanho e da propriedade, variáveis que impactam no produto final,  é fundamental para que o sucesso nesse setor seja alcançado.

Pensando em todos os desafios econômicos do setor e nas dificuldades encontradas para criar um planejamento eficaz, separamos 6 dicas essenciais que vão te ajudar a melhorar seus resultados. 

#1 Atenção aos principais fatores que interferem na pecuária de leite

Para um bom planejamento da pecuária de leite, antes de mais nada, é importante ter em mente os fatores na produção. Isso permite que os responsáveis possam direcionar da melhor forma os investimentos, considerando os custos de cada um.

Existem fatores de diversas ordens que interferem no resultado da produção leiteira, podendo ser eles de ordem biológica, cultural, ambiental ou socioeconômica. Apesar disso, a importância de cada fator no resultado obtido está ligado, também, ao nível tecnológico aplicado na propriedade. De modo geral, os principais fatores que afetam a pecuária de leite são:

Genética do rebanho

Ao optar por uma raça ou cruzamento, é importante que o proprietário entenda as variações apresentadas pelos animais, como volume de produção, adaptabilidade, rusticidade. Assim, ao determinar o tipo de rebanho para a pecuária de leite, é importante ter em mente o sistema de produção, clima e a localização da propriedade. 

Alimentação

A nutrição do rebanho tem impacto direto na quantidade e na qualidade da produção. O tipo de alimentação oferecida ao rebanho também intere nos resultados. Assim, é importante considerar a alimentação a base de ração concentrada, minerais, pastagens e suplementação. Lembrando sempre que, a alimentação compromete uma boa fatia dos custos de produção. 

Sanidade

Cuidar da sanidade do rebanho é fundamental para a qualidade da produção da pecuária de leite. Por meio do manejo sanitário dos animais é possível evitar doenças causadas por vírus, bactérias, fungos, entre outros parasitas que podem afetar a qualidade do produto final. Manter o bem-estar físico do rebanho evita prejuízos com uso excessivo de medicamentos, com descarte temporário de leite, com alterações nos resultados reprodutivos e com descarte ou morte de animais.

Reprodução

Quando falamos de pecuária de leite precisamos ter em mente que o intervalo entre os partos pode causar grandes perdas ao produtor. Assim, pensando no cenário desejável para a produção, o intervalo entre os partos deve ser de 12 meses com, aproximadamente, 305 dias de lactação. A reprodução bovina sofre influência direta da nutrição dos animais, do sistema de criação e da sanidade do rebanho. Assim, para o resultado desejado, é importante entender esses fatores como um conjunto que atua sobre a produção.

#2 Estabeleça objetivos e metas

Além de conhecer bem os fatores que podem afetar sua produção, é importante para o sucesso da propriedade que a gestão tenha objetivos e metas claros. Isso porque, são esses objetivos que vão definir ações, investimentos, ou seja, as direções a serem tomadas. Assim, na pecuária de leite, como em qualquer negócio, é preciso definir um objetivo . Isso pode ser desde aumentar o lucro final da propriedade, aumentar o valor final do produto, diminuir os gastos em determinado setor. Ou seja, o importante é que esse objetivo seja sincero com base do que você deseja alcançar, aplicável em ações durante o processo, porém não tão superficial a ponto de não ser verificável.

Com este objetivo em mãos, é importante se aprofundar nele, fazendo uma definição mais específica considerando os contextos que envolvem a propriedade, a criação, o proprietário, etc. Dessa forma, as ações serão planejadas com base em algo realista, possível de ser mensurado e baseada no contexto da pecuária de leite em que se insere a propriedade. Portanto, essa gestão deixa de ser algo distante da realidade do produtor e passa a estar pensada de modo a se inserir na realidade da propriedade como um todo.

#3 Conheça o mercado da pecuária de leite

Para qualquer negócio, em qualquer setor econômico, conhecer o mercado é fundamental para garantir o sucesso. Assim, com a pecuária de leite não é diferente. Quando pensamos no setor de produção leiteira e derivados, é importante que o produtor conheça os tipos de produtos e leites consumidos na região, e fazer o alinhamento do cenário de acordo com seu sistema de produção. 

É importante também conhecer o seu ecossistema econômico: região com maior concentração de consumidores, quais os fornecedores próximos, quais os recursos são produzidos internamente (propriedade), entre outros. Tudo isso, permite uma melhor tomada de decisão, guiando da melhor forma os rumos da propriedade. 

#4 Conheça a sua propriedade

Tão importante quanto conhecer o mercado da região, é conhecer as características da sua propriedade. Principalmente para produtores de médio e pequeno porte, saber quais tipos de sistema funcionam melhor para o seu caso, qual o rebanho mais adequado para a localização, quais são os recursos disponíveis, vai fazer a diferença entre o lucro e o desperdício de verba.

É importante para o produtor que deseja atuar na pecuária de leite, alinhar as características da fazenda com o rebanho escolhido. Como vimos na dica 1, a genética e a alimentação afetam na produção, portanto, essas características têm impacto na escolha das raças e cruzamentos. topografia, recursos disponíveis, tipos de sistemas que podem ser adotados, matérias primas presentes na propriedade, são fatores que, combinados à escolha do rebanho podem alavancar ainda mais os resultados.

#5 Tenha controle sobre sua produção

Como falamos, definir os objetivos da propriedade com fundamentos reais buscando um norte mensurável é essencial para o bom resultado na pecuária de leite. Assim, para além de definir o objetivo, ter esse foco de maneira mensurável, permite que o produtor tenha controle sobre sua produção. Isso permite que medidas sejam tomadas diretamente no foco do problema, evitando perdas significativas.

Desse modo, é importante que os gestores mantenham registros das ações aplicadas, resultados esperados e obtidos, acompanhamento do rebanho, entre outros detalhes para que, no final a produção possa ser avaliada. 

#6 Capacitação é fundamental

Como vimos, o planejamento da pecuária de leite requer, além dos conhecimentos de produção, conhecimentos de gestão, administração e economia por parte dos responsáveis. Assim, para que seja elaborado um planejamento eficiente, a capacitação da equipe gestora é fundamental. Um planejamento só é bom quando é viável para a realidade da propriedade, mas, principalmente, quando é colocado em prática.

Dessa forma, transmitir o que está no plano para a rotina de ações da propriedade requer conhecimento prático de quem elaborou toda a estratégica para o ano produtivo. Portanto, produtores que buscam se capacitar para gerir suas propriedades são beneficiados por já possuírem uma parte do conhecimento. Agregar as mentalidades de gestão com a de pecuarista é a chave para o sucesso na atividade leiteira.

Quer ser capaz de aplicar as dicas e se tornar para além um pecuarista um bom gestor para a sua propriedade? CLIQUE AQUI e aprenda na prática!

Fonte: Ergomix e CPT Cursos Presenciais

Curso de Administração Técnica e Econômica da Atividade Leiteira

Artigos

Bovinos de Leite

Destaques

Pecuária

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2020 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.