Indústria de laticínios: quais os fatores para ter sucesso?

Indústria de laticínios quais os fatores para ter sucessoA indústria de laticínios vem ganhando espaço no mercado nos últimos anos, gerando inúmeros empregos e trazendo a garantia de produtos de alto valor nutricional para o consumo da população. Diante disso, a implantação de agroindústrias de pequeno e médio porte, tem estimulado a produção local desses produtos, incentivando pecuaristas de leite em todo país. 

Quando pensamos na produção de leite nacional, temos entre os principais estados produtores Minas Gerais, que se destaca no topo, seguido por Paraná, São Paulo, Goiás, Rio Grande do Sul e Ceará. Assim, podemos ver como a indústria de laticínios, como atividade derivada dessa produção, encontra oportunidade em grande parte do território nacional.

Podemos, ainda, destacar que importância da ampliação desse setor está estritamente ligada a grande geração de empregos e renda nos meios urbanos e rurais. Por isso, neste artigo separamos alguns fatores de sucesso que devem ser levados em conta para quem deseja ingressar ou ampliar seu negócio no ramo de derivados do leite. Confira!

A indústria de laticínios

Como apresentamos, a pecuária leiteira é uma das maiores produções do setor agropecuário brasileiro. Sendo assim, fica nítida a oportunidade e abrangência que a produção de laticínios possui no país. Com o quarto lugar de produção do setor alimentício nacional, a indústria de laticínios representa 10% do faturamento total desse setor.

Com um impacto significativo nos avanços e mudanças que ocorreram na pecuária leiteira, a produção de derivados do leite de forma industrial (seja pequena, média ou grande produção) é diretamente responsável pelo aumento da qualidade do leite cru. Assim, de forma geral, a indústria de laticínios abrange a produção de diversos itens que dependem, diretamente, da qualidade do leite produzido. Sendo os principais:

  • Bebidas lácteas;

  • Leite fermentado;

  • Coalhada;

  • Queijos;

  • Leite em pó;

  • Manteiga;

  • Iogurtes;

  • Leite pasteurizado;

  • Leite UHT;

  • Sobremesas lácteas;

  • Leite condensado;

  • Creme de leite;

  • Requeijão.

Além de todo esse impacto econômico da indústria de laticínios, outros pontos sobre a gestão do negócio precisam ser levados em conta. Isso porque, como empresa e mercado, independente do cenário de oportunidades, são as estratégias de gestão e produção que vão garantir um bom resultado para o produtor.  

Fatores essenciais para o desenvolvimento da atividade

Gerir um negócio depende de vários fatores e cabe ao profissional saber equilibrar os aspectos produtivos e a logística aplicada. Sendo assim, para a indústria de laticínios não seria diferente. Como mencionamos, é preciso que o responsável pela indústria saiba como gerir a administração e a produção. Assim, estratégias bem aplicadas garantem uma inserção produtiva para atender o mercado e alcançar um número bom de clientes.

Dessa maneira, saber supervisionar o negócio de forma profunda é um ponto positivo. Garantir uma gestão eficaz, planejamento adequado, métodos de controle e acompanhamento são os 4 principais pilares para o sucesso.

Ao iniciar uma produção o profissional deve estar ciente de alguns fatores que podem impactar o seu negócio:

  • Capital investido;

  • Custos fixos e variáveis;

  • Localização do laticínio;

  • Obtenção de matéria prima;

  • Facilidade de transporte da produção;

  • Mão de obra aplicada;

  • Tecnologias disponíveis;

  • Fornecimento de água e energia;

  • Canais de comunicação com o consumidor;

  • Canais de informação com fornecedores.

Vale ressaltar, no entanto que, dependendo da produção, outros fatores deverão ser levados em conta na instalação do laticínio.

Por onde começar na indústria de laticínios?

Antes de realizar investimentos em estruturas e produção, é preciso que o responsável conheça a demanda da sua região, o que é possível produzir na sua localização, quanto está disposto investir e qual a logística necessária para o que o produto chegue ao consumidor.

Além disso, conhecer as etapas de produção e como deve ser produzido os derivados é fundamental para quem deseja escolher com sabedoria qual segmento da produção de laticínios implantar.

Atuar na indústria de laticínios, é algo que demanda conhecimento e estudo. Portanto, ampliar e buscar inovações pode ser um diferencial do profissional. É necessário, porém, saber atuar na solução de problemas e identificação das falhas para estar à frente dos concorrentes. Uma equipe bem planejada e com capacitação proporciona ótimos resultados e sucesso ao empreendimento.

Quer ter o ponto de partida da sua produção de derivados do leite ao seu alcance? CLIQUE AQUI e aprenda sem sair de casa!

Fonte: IFOPE e UFPR

Agroindústria

Artigos

Bovinos de Leite

Destaques

Economia Rural

Pecuária

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2020 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.