Empresas usam embalagens ecológicas desenvolvidas a partir de cana - de -açúcar

A empresa Danone, por meio de suas marcas Activia e Danoninho, e de sua parceria com a Braskem, aposta no desenvolvimento sustentável, produzindo um plástico verde para ser usado nas suas embalagens. No mês de agosto, já o colocaram no mercado, sendo o produto Activia 150g  já tendo suas embalagens desenvolvidas a partir do Polietileno Verde I'm greenTM, um bioplástico derivado da cana-de-açúcar, com certificação internacional. O produto Danoninho Leite Fermentado também acompanha a tendência e tem previsão de lançar suas garrafinhas com plástico verde, em setembro.

"A Danone está comprometida em tornar seu negócio cada vez mais ambientalmente sustentável e isso reflete diretamente nas práticas de desenvolvimento de novas embalagens", destaca Mariano Lozano, presidente da Danone.

"A ampliação de nossa parceria com a Danone, em torno do plástico verde, associando globalmente marcas reconhecidas como sinônimo de qualidade e confiança cria valor para ambas as empresas, e reforça o conceito do biopolímero como solução que também traz benefícios à sustentabilidade", diz Carlos Fadigas, presidente da Braskem.

Um selo verde será colocado nas embalagens sustentáveis para que o consumidor possa reconhecê-las. Estas embalagens diminuirão a quantidade de CO2 emitidas, desde a produção, até o descarte das embalagens, sendo uma grande vantagem para o meio ambiente. No caso do produto Activia 150g, a adoção do plástico verde representa uma redução de, aproximadamente, 20% das emissões de CO2 deste item, enquanto em Danoninho Leite Fermentado chega a cerca de 30%.

A iniciativa reafirma o seu compromisso com o desenvolvimento sustentável. A novidade faz parte da meta global da empresa lançada em 2008 que pretende reduzir em 30% as emissões de gás carbônico até 2012. Para isso, a Danone também investe no desenvolvimento de novas tecnologias e inovações em seu portfólio, além de iniciativas como redução de resíduos e embalagens, do consumo de energia e água e a otimização da rede de logística. Este ano, a companhia se uniu ao Walmart na segunda edição do projeto "Sustentabilidade de Ponta a Ponta" e já lançou uma embalagem de Danoninho Morango 360g, resultado de uma tecnologia de produção que reduziu 943 kg das unidades fabricadas.

  Fonte: CicloVivo Adaptação: Revista Agropecuária  

Conheça o Curso de Desenvolvimento e Produção Sustentável da Bovinocultura em seu Município

  Veja outras publicações da Revista Agropecuária: A moda é usar filtros solares a base de frutas e verduras Soro do leite vira plástico biodegradável Agora é a vez da agropublicidade  

Quer ficar informado? Cadastre-se e receba nossas novidades diariamente!

Digite seu e-mail: 

Destaques

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.