Safra de grãos da América do Sul tem previsões favoráveis

A Conab anunciou na semana passada o terceiro levantamento da safra brasileira de grãos 2012/13, com estimativa de produção de 180,2 milhões de toneladas. Sendo que de acordo com o analista técnico e econômico da Ocepar, Robson Mafioletti, a área plantada deverá atingir 51,9 milhões de hectares. O plantio dos grãos está sendo concluído no Paraguai e também restam poucas áreas para serem semeadas no Centro-Norte do Brasil e na Argentina. "Até o momento, as previsões são favoráveis e permitem estimar safra cheia".

Para a safra de soja 2012/13 a produção brasileira está prevista em 82,63 milhões de toneladas e produtividade estimada de 3.033 kg/hectare. Já a área plantada aponta um aumento de 8,8 %, devendo ficar em 27,24 milhões de hectares. Para o Paraná, segundo produtor nacional, a previsão é de 15,20 milhões de toneladas e produtividade de 3.250 kg/hectare.

Em relação a produção de milho a 1ª safra tem estimativa de área plantada de 7,1 milhões de hectares, apontando um decréscimo de 5,5%. Já para o milho safrinha a área estimada é de 7,62 milhões de hectares. A área total de milho prevista é de 14,76 milhões de hectares. A produção brasileira de milho (1ª e 2ª safra) está prevista em 71,93 milhões de toneladas e produtividade média de 4.873 kg/hectare.

O estado do Paraná tem cálculo de produção total em 16,63 milhões de toneladas, sendo 6,54 milhões de toneladas para o milho 1ª safra e 10,08 milhões de toneladas para o milho safrinha. A produtividade paranaense estimada para o milho 1ª safra é de 7.700 kg por hectare. Para o milho safrinha, a produtividade prevista é de 4.980 kg/hectare.

A produção estimada para o trigo gira em torno de 4,47 milhões de toneladas, significando uma produção 23% inferior a de 2011/12 (5,78 milhões de toneladas). O Paraná, que tinha passado para a segunda posição de produtor de trigo, volta para ocupar a primeira posição, com previsão de produção de 2,11 milhões de toneladas e produtividade de 2.730 kg por hectare.

O levantamento feito pela Seab/Deral aponta que os preços médios recebidos pelos produtores paranaenses na última sexta-feira (07/12) foram de R$ 70,06/saca de 60 kg para a soja; de R$ 27,78/saca de 60 kg para o milho e de 35,83/saca de 60 kg para o trigo, com leve aumento para a soja, milho e trigo nos últimos 30 dias. As três commodities apresentaram nos últimos 12 meses elevação significativa de preços.

Fonte: Ave World

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

 

Conheça o Curso de Produção de Milho no Sistema de Plantio Direto

 

 

Veja outras publicações da Revista Agropecuária: Manejo de pastagem bem feito, melhora a produção pecuária Importação Argentina de produtos lácteos preocupa produtores brasileiros de leite Encontro Minas Leite - SUPERAGRO 2012

 

 

Agricultura

Destaques

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2020 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.