O estado de MS já processou 35 milhões de toneladas de cana

O volume de cana moída até 30 de novembro deste ano, já superou o total da safra passada que foi de 33,85 milhões de toneladas, de acordo com os dados analisados pela Associação dos Produtores de Bioenergia de Mato Grosso do Sul (Biosul).

O presidente da instituição, Roberto Hollanda Filho, apontou com cautela que: "Temos uma boa moagem, mas ainda existem riscos e a expectativa de colhermos 38,60 milhões de toneladas pode não se concretizar".

As usinas processaram um volume de 35 milhões de toneladas de cana-de-açúcar no estado de Mato Grosso do Sul, no acumulado da safra, até o dia 30 de novembro.  Esse número é 9,67% superior ao colhido até essa data na safra passada (31,9 mi t). A região Centro-Sul que reúne, além do MS, os estados de São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro e Espírito Santo, a moagem somou 510,51 milhões de toneladas, crescimento de 4,62% comparativamente as 487,97 milhões de toneladas registradas em igual período de 2011.

A estimativa da entidade é que até o fim da safra, as 22 usinas de Mato Grosso do Sul acumulem um volume de 38,60 milhões de toneladas de cana processadas. Nessa 2ª quinzena de novembro, o Estado teve uma moagem de mais de 2 milhões de toneladas. "Ainda não encerramos a safra. Ela deve se estender até janeiro", alertou Hollanda Filho.

Do total moído, no acumulado, 36,34% foi para a produção de açúcar, um total de 1,66 milhão de toneladas de açúcar. Já para a produção do etanol, esse total de 63,66%, sendo que a produção até o dia 30 de novembro ficou em 1.795 milhão de litros produzidos no Estado.

A estimativa da Biosul é produzir 1.989 milhão de litros de etanol na safra 2012/2013, volume 21, 95% acima da anterior (1.631 milhões de litros). Já para o açúcar a produção deve alcançar 1,92 milhão de toneladas nesta safra, até agora, a produção foi de 1,67 mi t, o que já supera a produção total da safra passada, que foi de 1,58 mi t.

Quanto à qualidade do produto a quantidade de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR), nos últimos 15 dias de novembro, atingiu 131,89 Kg por tonelada de cana, pouca coisa abaixo da quinzena anterior (133,14 kg). Já o acumulado foi de 137,72 kg por tonelada, 4,61% acima do mesmo período da safra passada, quando o ATR foi de 132,21 kg.

A Biosul reúne as informações repassadas das 22 usinas em operação no Estado. Os dados da safra referem-se até o dia 30 de novembro de 2012.

Fonte: Rural Centro

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

 

Conheça o Curso de Desenvolvimento e Produção Sustentável da Agricultura Familiar em seu Município

 

  Veja outras publicações da Revista Agropecuária:

Escolha de Sêmen: Quais os critérios essenciais?

Permitida a exportação de suínos e bovinos engordados com ractopamina

Impacto da pecuária para o aquecimento global será medido com base na análise dejetos de gados    

 

Agricultura

Destaques

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2020 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.