Sebo bovino é utilizado na produção de biodiesel

O sebo bovino é uma gordura que apresenta-se pastosa à temperatura ambiente, de cor esbranquiçada e com odor característico. Ele pode ser extraído de qualquer parte do animal e sua qualidade está relacionada com a qualidade da matéria-prima utilizada e com um bom controle de qualidade do processo e transporte.

O sebo pode ser utilizado na fabricação de sabão, tanto os mais simples, para uso em limpeza, até os mais sofisticados sabonetes. Também pode ser utilizado na fabricação de ração, por ser uma boa fonte de energia, essencial ao bom funcionamento do organismo dos animais. Outras finalidades do sebo são como: lubrificante, uso veterinário, conservação de couro, entre outros.

No ano passado o sebo se destacou na produção de biodiesel, sendo utilizado como matéria-prima em 17,2% da produção nacional do combustível, de acordo com o Ministério de Minas e Energia (MME). Enquanto o óleo de soja participou com 75,2% do total, menor valor desde 2008, quando compôs 69,1% da matéria-prima, segundo pesquisa da Scot Consultoria.

Como o ano de 2012 houve grandes ofertas de abate, a oferta do sebo aumentou. Já em relação à safra da soja, houve queda na produção. Esses aspectos favoreceram os dados.

Fonte: Pecuária Rural

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

 

Conheça o Curso de Administração Técnica e Econômica da Bovinocultura de Corte

 

 

 

  Veja outras publicações da Revista Agropecuária: Brasil é o 3° maior produtor de frango corte e 1° lugar em exportação do mundo Nova linha de crédito para o Plano de Safra 2013 Oferta de boi gordo segue limitada    

 

Floresta e Meio Ambiente

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.