Milho para pipoca é colhido no Mato Grosso

milho-colheitaA venda da colheita do milho para pipoca é garantida e os preços obtidos são melhores que os adquiridos com a venda do milho tradicional, de olho nesse mercado produtores aumentaram a área de cultivo em quase 70%.

A produção final é de 120 dias, ou seja, do plantio na fazenda à venda para as empresas beneficiadoras do produto. O total de hectares plantados aumentou porque a empresa beneficiadora do grão para onde o agricultor vende toda a produção, está comprando mais este ano.

Em alguns estados a saca de 60 quilogramas está sendo vendida a R$ 36,00, enquanto o milho para ração chega apenas a R$ 14,00 a saca. O estado do Mato Grosso deve alcançar uma produção de 179 mil toneladas da variedade do milho de pipoca esse ano, quando comparado ao ano passado.

Outros fatores que favorecem uma boa colheita foram o clima, o sol e a chuva na medida certa durante o cultivo e seca durante a colheita. Outras importantes regiões produtoras de milho pipoca são o Rio Grande do Sul e Goiás.

Fonte: G1

Adaptação: Revista Agropecuária

 

 

Conheça o Curso de Produção de Milho no Sistema de Plantio Direto

produção de milho

 

 

Veja outras publicações da Revista Agropecuária:

Cotação do boi gordo tem queda em relação ao aumento salarial

Aumento da chuva retém boiada nos pastos

Doenças ocorridas no cultivares de soja

Agricultura

Milho

Notícias

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Revista Agropecuária. Todos os Direitos Reservados.